Uma nova onda está surgindo no Marketing, é a era do Marketing de Propósito, em que não basta vender o produto, é preciso oferecer valor. Seu produto precisa ter um propósito para o cliente e ir além disso, atribuindo valor à vida das pessoas, segundo Joey Reiman, da consultoria americana em marketing de propósito, Bright House. E quando uma organização consegue atingir esse objetivo, ela lucra no curto prazo, mas o mundo também lucra, até o próximo século!

O que é o marketing de propósito

É o Marketing orientado por objetivos. No marketing de conteúdo, por exemplo, segundo Ann Gwynn, do Content Marketing Institute, o marketing de propósito é a forma de um negócio ou marca conectar-se com o seu público-alvo com base em suas necessidades compartilhadas e interesses – incluindo o interesse em apoiar alguma causa, por exemplo.

Entretanto, enquanto a maioria das organizações reconhece a importância desse propósito, nem sempre elas estão acostumadas a criar conteúdo em torno de seus esforços de uma forma que não apenas envolva o público, mas também os faça participar. O sucesso nessa nova era do marketing depende do desenvolvimento de uma estratégia assertiva que seja executada de maneira autêntica, orgânica, trazendo benefícios mútuos para todos os envolvidos.

Rick Gilgey, também da Bright House, acredita que as pessoas não são movidas só por resultados, mas o que realmente as inspira é fazer grandes feitos por longos períodos de tempo. Nessa linha, segundo Ari Kalfayan, fundador do Startup & Tech Mixer, existem dois tipos de empreendedores, aqueles que só querem ficar ricos e aqueles que querem provocar mudanças no mundo. O segundo tipo de empreendedor está voltado para o propósito, ou seja, para uma empresa lucrativa com consciência.

O marketing de propósito não é um termo novo, mas atualmente as empresas orientadas para tal têm se tornado cada vez mais populares, pois os clientes apoiam e recomendam essas marcas. Em verdade, 91% dos Millennials afirmam que mudariam de marca para uma associada a uma causa. Nesse sentido, 6 em cada 10 Millennials afirmam que um sentido de propósito é um dos motivos que os levaram a trabalhar nas empresas em que trabalham.

Os benefícios do marketing de propósito

O marketing de propósito tem muitos benefícios. Dentre eles, podemos citar os principais:

  • Auxilia no alinhamento entre líderes e membros de equipe em torno de um propósito comum, missão e cultura.
  • Atrai o tipo certo de clientes, colaboradores, parceiros e investidores que acreditam em seus valores.
  • Motiva você e sua equipe a serem mais produtivos.

Em suma, ter um propósito é um componente essencial do seu negócio – mesmo se o seu propósito é simplesmente tornar a vida das pessoas mais fácil, fornecendo um produto ou serviço útil.

Agora que temos uma melhor compreensão sobre o que é marketing de propósito, vamos elencar algumas formas de criar uma campanha de marketing voltada para essa finalidade.

Como criar uma campanha de marketing de propósito

Identifique seu nicho

A primeira parte do marketing de propósito é estar consciente dos pontos fortes e fracos de sua empresa, bem como conhecer seus concorrentes. Você também precisa responder a uma pergunta muito importante: “Por que meus clientes pagariam por meus serviços ou produto, e há uma maneira de fazer isso me diferenciando dos outros?”

A Zappos, por exemplo, se tornou conhecida pelo atendimento ao cliente excepcional que proporciona, indo muito além das expectativas. Essa é uma característica que a diferencia dos concorrentes, não os produtos que oferecem e nem o preço que cobram. O propósito da Zappos é entregar felicidade aos seus clientes.

Também podemos citar o exemplo da Tom’s Shoes. O seu propósito é doar um par de sapatos para alguém que precisa sempre que um par for comprado por um cliente. Esse modelo de negócio one-for-one tem sido muito eficaz na hora de atrair clientes e influenciar outras empresas, como a Warby Parker, a seguir um modelo semelhante. Conforme afirmamos, os Millennials são muito mais propensos a comprar de um negócio que está fazendo algo para alguém, mesmo que eles tenham que pagar mais por isso.

Comunique o propósito da sua marca

Como você compartilha o propósito da sua marca com o resto do mundo? Essa questão é um tanto quanto desafiadora, mas se você utilizar algumas técnicas, ela não se torna tão difícil.

  1. Participe de causas pelas quais o seu público se interessa. Que tal doar uma parte dos rendimentos para uma ONG ou para a caridade?
  2. Faça parcerias com outras marcas. Quer um exemplo? A empresa Uber já fez isso algumas vezes. A Spotify faz parcerias para que os clientes possam ouvir suas listas de reprodução.
  3. Entregue um conteúdo valioso. A Home Depot e a Lowes criaram vídeos institucionais que mostram como concluir projetos DIY (do-it-yourself) e as lojas Leroy Merlin têm entregado conteúdos similares também, você pega um panfleto na própria loja e constrói seus próprios projetos.
  4. Seja oportuno e reativo. Lembram quando noticiaram que o CEO da GoDaddy havia matado um elefante na África? A Curata forneceu códigos de desconto para quem quisesse mudar da GoDaddy e converteu parte dos lucros para uma organização de conservação de elefantes.
  5. Humanize sua marca. Os clientes querem apoiar as pessoas. Por isso, humanize sua marca mostrando imagens dos bastidores ou vídeos das pessoas em seu negócio, permitindo que os membros da equipe interajam com os clientes, mostrando sua personalidade.
  6. Divirta-se. Em função de um alto número de acidentes e mortes em plataformas de trens em Melbourne, Austrália, a empresa australiana Metro Trains produziu a campanha Dumb Ways to Die, transformando um assunto sério em algo memorável e com algumas partes até mesmo divertidas.
  7. Voluntarie-se. Você, sua equipe e sua marca podem fazer a diferença. Que tal tornar algo possível para pessoas que não têm oportunidade? Espalhe amor.
  8. Seja comprometido. Não adianta falar e não fazer nada. Encontre uma finalidade para sua empresa e então comprometa-se com ela. A Liberty Mutual, por exemplo, tem uma parceria de longa data com as Olimpíadas dos EUA e equipes paralímpicas. É um comprometimento com a causa.

Meça os resultados e impulsione suas vendas

O sucesso irá variar, pois a fórmula do sucesso não existe. Por isso, a melhor maneira de determinar o sucesso de uma de suas campanhas de marketing de propósito é estabelecer metas e analisar as métricas. Entre as mais populares:

1. Aumentar os leads e as vendas

Para isso, você deve acompanhar o número de visitantes, assinantes, consultas de clientes e negócios fechados durante um determinado período de tempo.

2. Criar consciência e confiança

Aqui, você também acompanha a quantidade de visitantes, bem como a taxa de conversão visitante-cliente. Você também deve medir o engajamento para cada parte do seu conteúdo (ações e comentários) e acompanhar o seu ciclo de vendas – quanto tempo levou do contato inicial até fechar o negócio.

3. Aumentar a lealdade

Nesse objetivo, você deve analisar o número de visitantes que retornou ao seu site, o número de clientes que veio de referências, a quantidade de menções positivas da sua marca, medir a pontuação de satisfação do cliente e medir a taxa de retenção.

Por que fazer marketing de propósito?

Podemos dar muitos exemplos de como o marketing de propósito tem funcionado. Contudo, o principal argumento ainda é o seguinte: você precisa evoluir seus relacionamentos que vão de uma causa simples para um propósito. Essa evolução é uma mudança fundamental para as empresas criarem um impacto social e ao mesmo tempo entregarem valor para o mercado – e conseguirem lucrar com isso também.

Este sentido de propósito, aliás, foi amplificado por Seth Godin em seu discurso de abertura no evento INBOUND 2015 da HubSpot. Ele introduziu o conceito de Permission Marketing há mais de 15 anos e foi precursor do movimento Inbound. Em seu discurso, Godin apontou que a Internet mudou muitas coisas e, atualmente, há uma nova maneira de fazer e conectar essas “coisas”. Segundo Godin, as empresas devem responder questões que realmente importam, como: Você pode ser ouvido? Você é confiável? Você consegue se conectar? Você faz um trabalho que realmente importa?

É isso que leva as grandes oportunidades para um outro nível, a mudança. Para Godin, “a maneira como fazemos a mudança acontecer é sendo humanos, estando conectados, sendo generosos e fazendo algo que mude alguém para melhor”. Para as empresas, não é sobre como ficar maior ou aparecer como número um em alguns rankings, mas como você escolhe o conteúdo. Se você quer ser um líder de negócios nessa nova era do marketing, é hora de reavaliar a finalidade da sua marca e desenvolver um marketing de propósito em sua empresa.

O marketing de propósito é um desafio, especialmente quando se fala de conteúdo e estratégia. A Plataforma da Contentools oferece um meio de gerenciar seu conteúdo e te auxilia na criação e documentação da estratégia, fornecendo profissionais de marketing que são socialmente conscientes e acreditam que o conteúdo pode fazer a diferença no mundo! Quer conhecer melhor nossa maneira de trabalhar? Entre em contato conosco e converse com um de nossos especialistas!

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.